Museu da TV, Rádio & Cinema

Netflix teme escassez de conteúdo



A Netflix admitiu, pela primeira vez, que teme que aconteça uma escassez de conteúdo no primeiro semestre de 2021.

A preocupação da empresa, que detém um dos maiores serviços de streaming de vídeos do mundo, é explicável porque a pandemia mundial interrompeu as gravações de muitas séries e seriados que deveriam estrear a partir de agosto ou setembro próximos.

Todas tiveram suas gravações interrompidas em março e o retorno com novas temporadas não será rápido, já que tanto nos Estados Unidos como no Brasil, novas gravações só devem começar em agosto.

O problema maior está nas séries voltadas ao público juvenil, em que os atores adolescentes crescem muito rapidamente e provocam transtornos para os autores, roteiristas e diretores.

De qualquer forma, a Netflix promete investir em um número maior de produções a partir de janeiro de 2021, quando se acredita que não haverá mais problemas para as gravações e possíveis paralisações, garantindo assim um segundo semestre de 2021 com muitas novas atrações.

museudatv

museudatv

 
Apoio
ABCD Nossa Casa
ABCcom
ABTU
ACESP
Apodec
Centro Universitário Belas Artes
Coleção Marcelo Del Cima
Comunique-se
Grupo Observatório
RITU
SET
Sindicato dos Radialistas de São Paulo
Toda Tela
TUB
Universidade Anhembi Morumbi
APJ
UBI
 

Siga-nos nas Redes Sociais