PRÓ-TV

Pool de emissoras garantiu os jogos do Brasil na Copa de 70 ao vivo



A Copa do Mundo de 1970, no México, foi a primeira a ter transmissão dos jogos ao vivo na televisão brasileira, e isso só foi possível graças a um pool de emissoras que reuniu Globo, Tupi, Bandeirantes, Cultura e Record. Apenas a TV Excelsior ficou de fora porque a emissora vivia uma crise muito grande, e não era bem vista pelo governo militar que comandou esse pool.

Para se preparar para essa grande cobertura, a TV Globo contratou o ex-técnico da seleção de futebol, João Saldanha, alguns meses antes do início da competição, e deu a ele um programa diário, na verdade de segunda a sábado, o “Dois Minutos com João Saldanha”, que entrava no ar antes do “Jornal Nacional”.

A Copa de 1970 foi também a primeira a ter transmissão colorida com boletins diários diretos da sede do evento. O narrador principal foi Geraldo José de Almeida, na época contratado da TV Record, com os comentários a cargo de João Saldanha, pela TV Globo.

Foi Geraldo José de Almeida quem criou, nas suas transmissões, o grito de gol: “Olha lá, olha lá, olha lá, no placar!”, além de chamar a equipe de futebol brasileira de “a seleção canarinho”. Outra presença importante no pool de emissoras que o governo militar criou foi o jornalista Armando Nogueira, que pela TV Globo, dirigiu todos os trabalhos de transmissão, não só dos jogos como dos treinos da seleção brasileira e da concentração dos nossos jogadores.

O anúncio, três meses antes, de que os jogos da seleção brasileira na Copa do Mundo de Futebol de 1970 seriam exibidos ao vivo e a cores pelas nossas emissoras, provocou, na época, uma grande corrida às lojas de eletrodomésticos, que venderam milhares de televisores nas semanas que antecederam ao início da Copa.

Tecnicamente falando, a transmissão dos jogos ainda foi pobre se pensarmos nos recursos que temos hoje, já que o sistema de transmissão direta a cores foi realizado pelo padrão PAL-M. A imagem colorida podia ser vista apenas nos aparelhos de tv devidamente codificados nas praças de São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília.

Redação

A Pró-TV – Associação dos Pioneiros, Profissionais e Incentivadores da Televisão Brasileira surgiu em 21 de agosto de 1995. Sua finalidade é preservar a memória da radiodifusão nacional e congregar toda classe que representa. Objetiva a criação do Museu do Rádio, da Televisão e das Novas Mídias (também chamado de “Museu da TV”).

 
Band
CNT
Cultura
Gazeta
Globo
Record TV
RedeTV
SBT
TV Brasil
 

Siga-nos nas Redes Sociais