PRÓ-TV


MÁRIO VIANA


Mário Viana nasceu em 11 de julho de 1960.Ele é formado em jornalismo pela Faculdade Cásper Líbero de São Paulo. Suacarreira começou pelo jornalismo escrito, tendo trabalhado em grandes jornais erevistas. Esteve na “Folha de São Paulo”, “Veja”,ediçãoSão Paulo, “O Estado de São Paulo”, onde foi editor de turismo, ecolaborou com inúmeras outras publicações.

Depois tornou-se dramaturgo. Formou o “Núcleo dos10″, com orientação do também dramaturgo Luís Alberto de Abreu. Em2000, entrou num concurso de textos organizado pelo Ministério da Cultura erecebeu Menção Honrosa, com a peça:”Flechadas do teu Olhar”.Recebeu prêmio também pelos textos:”Vamos?”e “Vestir oPai”, pela Prefeitura de Porto Alegre, em 2000 e 2001. Foram montados seustextos:”Mistérios Parlapatões”,”Um Chopes, Dois Pastel”;”Uma Porção de Bobagem”e “Pantagruel”, “Ifigônia”;”VerdadesCanalhas”; “Natureza Morta”.

Mário Viana ganhou vários prêmios, com suas peças eteve montagens importantes, como a que foi feita em 2003, por Paulo Autran,da peça:”Vamos Vestir O Pai”. Um dos principais prêmios que ganhoufoi o Parada GLBT, em julho de 2005, com “Hoje Tem Mazzaropi”. Em2004, participou do Festival de Intercity, em Florença, na Itália.

Em televisão, Mário Viana colaborou com Aimar Labaki, em2004, no SBT, na telenovela:”Seus Olhos”. Colaborou também, commesmo Amir, na novela:”Paixões Proibídas”, na Rede Bandeirantes. Eessa novela passou também na RTP de Portugal. participou do núcleo deautores no Teatro Folha, no projeto:”Nunca Se Sábado”.

Mário Viana, em 2006, teve sua peça:”Vistiendoa Papá”, no Teatro Stella, de Montevidéu. E em São Paulo:”Assim Com Rose”, além doinfantil:”Bruxo Pontocom”.

Em 2009, integrou a equipe de “Poder Paralelo”, na TV Record, além de estrelar a peça “Amanhã é Natal”. Em 2010, fez a peça “Hoje Tem Mazzaropi”

 
Band
CNT
Cultura
Gazeta
Globo
Record TV
RedeTV
SBT
TV Brasil
 

Siga-nos nas Redes Sociais