PRÓ-TV


MÁRIO CARDOSO


O ator Mário Cardoso chama-se Mário Manuel Cardoso de Araújo. Ele nasceu em Lisboa, capital de Portugal, em 24 de janeiro de 1950. É ator de novelas, mas atua também em dublagens, onde é diretor.

Mário Cardoso é ainda modelo e psicólogo.

O início de seu trabalho artístico no Brasil, foi em 1975, na televisão. Ele entrou na Rede Globo e fez a novela:” Escalada”, em 75,” A Moreninha”, no mesmo ano; ” Escrava Isaura”, em 76; ” Feijão Maravilha”, em 79; ” Olhai os Lírios do Campo”, em 80; ” Coração Alado”, no mesmo ano; ” Paraíso”, em 82. Passou para o SBT e fez ” Razão de Viver”, em 83. Novamente na Globo,fez ” Amor com Amor se Paga”, em 84; ” Uma Esperança no Ar”, em 85. Em 1986, passou para a Rede Manchete e fez: ” Dona Beija”. Voltou à Globo e fez: “Tudo ou Nada”,em 86. Depois na Manchete: ” Carmem”, em 87. Em 1990, fez: ” “Brasileiros e Brasileiras”, no SBT; Em 91, fez: “O Fantasma da Ópera”, uma minissérie, na Manchete. Em 92, outra minissérie, na Globo: ” Anos Rebeldes”; depois a novela: ” Vira-Lata”, em 96. Voltou à Manchete e fez: ” Xica da Silva”, também em 96. Em 2001, de volta à Globo, fez em 2004: ” Alma Gêmea”, em 2005: ” América”, em 2005: “A Lua me Disse”, em 2006: ” Páginas da Vida”. Em 2007, na Rede Record: ” Caminhos do Coração”. Novamente na Globo, em 2009: ” Caminho das Índias”, no mesmo ano o seriado: ” Tudo Novo, de Novo”. Em 2010: ” As Aventuras de Didi”. E em 2011, no SBT, em ” Amor e Revolução”.

Mário Cardoso, mesmo enquanto está fazendo novelas, se dedica às dublagens. Já emprestou sua voz a inúmeros filmes, seriados, etc. Além de dublador, e por sua experiência, por sua ordem, por sua dedicação, tornou-se diretor de dublagens.

 
Band
CNT
Cultura
Gazeta
Globo
Record TV
RedeTV
SBT
TV Brasil
 

Siga-nos nas Redes Sociais