PRÓ-TV


MARIA ESTELA


O nome completo da atriz Maria Estela era Maria Estela Rivera. Ela nasceu no interior do estado de São Paulo, em 13 de abril de 1942, na cidade de Borborema.

Maria Estela desde jovem queria ser atriz. Começou em teatro, mas depois passou quase que exclusivamente para a televisão.

O início de sua carreira artística na televisão brasileira foi em 1965, na TV Excelsior, que a época, começou a lançar novelas e a fazer sucesso. Seu primeiro trabalho foi em “O Caminho das Estrelas”. Em 1966, na mesma emissora fez “A Pequena Karen”. Em 1967, “O Tempo e o Vento“, no papel de Bibiana e “O Morro dos Ventos Uivantes”. Em 1968, fez “O Direito dos Filhos“.

Em seguida transferiu-se para a TV Record e fez “Ana“, ainda em 1968. A TV Record teve uma época de ouro de novelas e em 1970, Maria Estela fez a novela “As Pupilas do Senhor Reitor“. Em 1971,  esteve em “Os Deuses Estão Mortos”; “Quarenta Anos Depois e “Sol Amarelo“. Em 1972, nessa emissora, fez “O Leopardo” e “Os Fidalgos da Casa Mourisca“.

A atriz foi então para a TV Tupi, e fez em 1973, o sucesso “Mulheres de Areia” de Ivani Ribeiro. Em 1974 foi a vez de “Meu Rico Português” de Geraldo Vietri e “Um Dia O Amor“. Em 1978, participou de “Aritana” e de “Roda de Fogo”.

Em 1980, na Rede Bandeirantes fez “Pé de Vento“, e em 1981, ainda na Band, fez a novela que foi um grande sucesso, “Os Imigrantes”. Em 1982, fez “A Leoa” no SBT e em seguida voltou para a Bandeirantes para fazer “Campeão”. No ano seguinte retornou ao SBT, e participou de “Vida Roubada”.

Em 1990, Maria Estela passou para a Rede Globo de Televisão e fez a minissérie “Boca do Lixo” e a novela “Meu Bem, Meu Mal“. Em 1992, fez “Despedida de Solteiro“.

Em 1994, voltou ao SBT para participar de  “Éramos Seis”, que também fez muito sucesso. Mais uma vez na TV Record, agora em 1997, fez “Canoa do Bagre”. Participou do elenco da primeira versão de “Chiquititas” no SBT.

Em 2000, na TV Record, participa de “Marcas da Paixão” e no SBT faz uma participação especial em “O Direito de Nascer“. Em 2001, no SBT atua em “Pícara Sonhadora” e no ano seguinte está em “Marisol”, em 2004 atua em “Esmeralda“.

Em 2006, a atriz foi novamente para a Globo e participou da novela “Pé Na Jaca”. Em 2009, já no SBT, fez “Vende-se um Véu de Noiva“, e em 2010, na novela “Passione“, da TV Globo, fez uma participação especial.

Em teatro a atriz esteve em cartaz por mais de um ano, em São Paulo, com a peça de Juca de Oliveira, “Meno Male“. Quando a peça foi para o Rio de Janeiro, Maria Estela também ficou nela mais um ano em cartaz.

Maria Estela  faleceu aos 75 anos, em São Paulo, em 06 de julho  de 2017, tendo sido sepultada no Cemitério de Congonhas,  na capital paulista.

 
Band
CNT
Cultura
Gazeta
Globo
Record TV
RedeTV
SBT
TV Brasil
 

Siga-nos nas Redes Sociais