Museu da TV, Rádio & Cinema

Berta Zemel, uma vida dedicada a arte



Morreu no último dia 25 de fevereiro, a veterana e premiada atriz Berta Zemel, em São Paulo, aos 86 anos de idade.  Ela também era professora de teatro, estava internada no Hospital Santa Catarina e não resistiu a uma broncopneumonia.

Filha de imigrantes poloneses, estudou na Escola de Arte Dramática da Universidade de São Paulo (EAD/USP) e começou sua carreira no Teatro Bela Vista.  Estreou profissionalmente com a peça “Hamlet”, em 1956.

Na Televisão estreou em 1956 no “Grande Teatro Tupi”, e fez parte do elenco do Teleteatro até 1959. No Cinema, estreou com o drama “O Quarto” (1968), de Rubem Biafora. Seu maior destaque na tela grande se deu com o filme “Desmundo”, ao lado de Osmar Prado, em 2002, que lhe rendeu o Troféu Candango de melhor atriz coadjuvante no Festival de Brasília.

Participou nos anos 1970 de duas novelas de muito sucesso na TV Tupi: “Vitória Bonelli” com a qual ganhou todos os premios como melhor atriz de TV em 1972; e “Os Apóstolos de Judas”, em 1976, ambas escritas e dirigidas por Geraldo Vietri. Seu último trabalho na TV foi na novela “Água na Boca”, na TV Bandeirantes, em 2008, vivendo a italiana Maria Bellini.

Além de sua trajetória premiada como atriz, Berta Zemel fez carreira como preparadora e professora de atores, ao lado do marido, o também ator e diretor Wolney de Assis, que faleceu em 2015.

Rodolfo Bonventti

Rodolfo Bonventti

 
Apoio
ABCD Nossa Casa
ABCcom
ABERT
ABTU
ACESP
Apodec
Centro Universitário Belas Artes
BRAVI
Coleção Marcelo Del Cima
Comunique-se
Fórum SBTVD
Grupo Observatório
Gugu Vive
IBEPEC
Kantar Ibope Media
O Fuxico
Radioficina
RITU
SET
Sindicato dos Radialistas de São Paulo
Toda Tela
TUB
TudoRádio
Universidade Anhembi Morumbi
APJ
UBI
Vela – Escola de Comunicação
 

Siga-nos nas Redes Sociais