Museu da TV, Rádio & Cinema

Gloria Menezes de barba e bigode. E estávamos apenas em 1966



Em março de 1966, a TV Excelsior provocou celeuma nas suas telespectadoras noveleiras ao apresentar uma história de amor e vingança que trazia de volta o casal Tarcísio Meira e Glória Menezes. Escrita por Ivani Ribeiro e dirigida por Wálter Avancini, “Almas de Pedra” não foi um dos maiores sucessos da TV Excelsior naquela década, mas, com certeza, foi a novela mais “estranha” para as telespectadoras.

A novela contava a história de um pai de três filhas que é assassinado e perde toda a sua fortuna para o seu assassino, em 1870. As filhas prometem vingança, mas é justamente a mais velha delas, Cristina, quem resolve se disfarçar de homem e se transformar em Cristiano, para poder consumar essa vingança.

Em pleno 1966, quando a nossa televisão ainda engatinhava em termos de maquiagem e efeitos visuais, a transformação da atriz Glória Menezes de Cristina para Cristiano foi perfeita, e ela passou a maior parte da história enganando a todo mundo com cabelo bem curto, barba, bigode e roupas masculinas.

Rodolfo Bonventti

Rodolfo Bonventti

 
Apoio
ABCD Nossa Casa
ABCcom
ABERT
ABTU
ACESP
Apodec
Centro Universitário Belas Artes
BRAVI
Coleção Marcelo Del Cima
Comunique-se
Fórum SBTVD
Grupo Observatório
Gugu Vive
IBEPEC
Kantar Ibope Media
O Fuxico
Radioficina
RITU
SET
Sindicato dos Radialistas de São Paulo
Toda Tela
TUB
TudoRádio
Universidade Anhembi Morumbi
APJ
UBI
Vela – Escola de Comunicação
 

Siga-nos nas Redes Sociais