PRÓ-TV

Um disco voador invadia a tela da TV Tupi



Os cenários eram inovadores e chegaram a ocupar até três estúdios da TV Tupi. Um disco voador ao centro indicava que o assunto ali era estranho e perturbador. De dentro dele saíam alguns verunianos, nada mais nada menos do que alienígenas, habitantes de um outro planeta que havia sido dizimado por uma guerra nuclear. Eles vinham para a Terra conhecer o planeta e se tornaram protetores dele e dos seus habitantes.

 

Estávamos em 1957, e a TV Tupi dava mostras de sua criatividade e originalidade, ao lançar a primeira série de ficção científica da televisão brasileira, “Lever no Espaço”, um original de Mário Fanucchi que ia ao ar todo  sábado, às 20h, portanto em pleno horário nobre, com patrocínio das empresas Lever.

 

Mário Fanucchi, ainda na ativa, conta que “o seriado tinha meia hora de duração e ficou no ar por seis meses. Era um programa diferente e totalmente inovador. Minha proposta foi divulgar idéias pacifistas através de uma ficção científica. No lançamento do seriado, José Bonifácio de Oliveira Sobrinho, o Boni, criou um teaser publicitário em que de repente, no meio da programação normal da TV Tupi, havia uma perturbação da imagem e um rosto estranho começava a falar que era um veruniano e estava em contato com a Terra pela primeira vez.”

 

Essa chamada, lançada alguns dias antes da estréia do seriado, chamou a atenção dos telespectadores, que não entendiam exatamente o que era aquele programa que a emissora ia colocar no ar. Foi uma sacada muito inteligente e que criou uma expectativa muito grande para a estréia de “Lever no Espaço”.

 

Tudo era feito ao vivo e o seriado era considerado pela emissora uma super produção. O galã era o ator Mário Sérgio (1929-1981), que vinha de vários sucessos no cinema, produzidos pela Companhia Vera Cruz. A jovem e bela atriz Beatriz Segall brilhava como a mocinha que veio do outro planeta e o estreante Rafael Golombeck fazia o veruniano que chegava no disco voador.

 

Radialista, jornalista, desenhista, locutor e produtor, Mário Fanucchi trouxe para a televisão um enredo original e audacioso onde a relação entre alienígenas e terráqueos era ameaçada constantemente por um grupo de vilões. Foram 23 episódios dirigidos com muita competência por Cassiano Gabus Mendes (1927-1993) e com um elenco que, além dos já citados, contava com Lima Duarte, Percy Aires, Marly Bueno, Henrique Martins, Jayme Barcellos, Turíbio Ruiz, Dionísio Azevedo, Rogério Márcico e Lus Orioni.

Rodolfo Bonventti

 
Band
CNT
Cultura
Gazeta
Globo
Record TV
RedeTV
SBT
TV Brasil
 

Siga-nos nas Redes Sociais