PRÓ-TV

Rede Brasil sai do ar por dívidas com o Ecad



A Rede Brasil saiu do ar por causa de ausência de segurança jurídica, depois que uma juíza paulista  rejeitou a garantia judicial do canal para o pagamento de uma dívida com o o Ecad (Escritório Central de Arrecadação e Distribuição), que chega a R$ 400 mil.

Por decisão da juíza, o sinal de transmissão da emissora foi suspenso por operadoras de TV por assinatura e também do UHF. O Ecad entrou com o processo em 2011 depois de não receber os valores pelos direitos autorais sobre as obras veiculadas ao público.

Como a Rede Brasil foi condenada  e não pagou a dívida, a juíza determinou ao Ministério da Ciência e Tecnologia e às operadoras Claro TV, Algar Telecom, GVT TV, Net, Oi, Sky e Vivo que suspendessem o sinal da Rede Brasil.

Redação

A Pró-TV – Associação dos Pioneiros, Profissionais e Incentivadores da Televisão Brasileira surgiu em 21 de agosto de 1995. Sua finalidade é preservar a memória da radiodifusão nacional e congregar toda classe que representa. Objetiva a criação do Museu do Rádio, da Televisão e das Novas Mídias (também chamado de “Museu da TV”).

 
Band
CNT
Cultura
Gazeta
Globo
Record TV
RedeTV
SBT
TV Brasil
 

Siga-nos nas Redes Sociais