PRÓ-TV

O Brasil chora a morte da cantora Vanusa



Uma das mais belas vozes femininas da nossa música, a cantora e compositora Vanusa nos deixou no último dia 08 de novembro, aos 73 anos de idade, vitimada por uma insuficiência respiratória, em uma casa de repouso, em Santos, litoral sul de São Paulo, onde morava a algum tempo.

Vanusa Santos Flores vinha sofrendo de problemas de saúde há quatro anos e esteve internada nos últimos meses com pneumonia e um quadro de demência causado pelo Alzheimer.

Cantora e compositora começou sua brilhante carreira em 1966, participando dos últimos programas da “Jovem Guarda” na TV Record. Foi para a TV Excelsior de São Paulo e se apresentava com frequencia no programa “O Bom”, comandado por Eduardo Araújo.

O primeiro grande sucesso foi a gravação de “Pra nunca mais chorar”, de Eduardo Araújo e Carlos Imperial, que a levou para o topo das paradas de sucesso e para atuar no programa “Adoráveis Trapalhões”, da TV Record de São Paulo, ao lado de Renato Aragão e Wanderley Cardoso.

Participou de vários festivais de música no Brasil e no exterior e em 1973, lançou um LP pela Gravadora Continental, trazendo seu maior sucesso de vendagem, a música “Manhãs de Setembro”, parceria com Mário Campanha.

Vanusa gravou muitos compositores, mas ganhou prestígio com os críticos musicais ao gravar “Paralelas”, composição de Belchior. Fez uma incursão como atriz, ao lado do cantor Ronnie Von na novela “Cinderela 77”, na TV Tupi.

Foi casada com o cantor e compositor Antonio Marcos, com quem teve duas filhas e com o diretor Augusto César Vanucchi, com quem teve um filho. Em meados da década de 1990, começou a escrever a sua autobiografia intitulada “Vanusa – a vida não pode ser só isso!”, publicada em 1997, pela editora paulistana Saraiva.

Em 2005, participou de diversos eventos e shows comemorativos dos 40 anos da Jovem Guarda, o projeto “Festa de arromba- 40 anos da Jovem Guarda”, apresentado durante todo o mês de agosto, no Teatro II do CCBB (Centro Cultural do Banco do Brasil), no Rio de Janeiro, passando também por Brasília e São Paulo, no qual fez dupla com os Golden Boys, em temporada de 3 dias.

Redação

A Pró-TV – Associação dos Pioneiros, Profissionais e Incentivadores da Televisão Brasileira surgiu em 21 de agosto de 1995. Sua finalidade é preservar a memória da radiodifusão nacional e congregar toda classe que representa. Objetiva a criação do Museu do Rádio, da Televisão e das Novas Mídias (também chamado de “Museu da TV”).

 
Band
CNT
Cultura
Gazeta
Globo
Record TV
RedeTV
SBT
TV Brasil
 

Siga-nos nas Redes Sociais