PRÓ-TV

A morte da diva dos palcos, Bibi Ferreira



A maior diva dos nossos palcos e dos nossos  musicais, Bibi Ferreira, morreu na última quarta-feira (13 de fevereiro), em sua casa no bairro do Flamengo, Rio de Janeiro, aos 96 anos de idade, vitimada por uma parada cardíaca.

Bibi Ferreira ou Abigail Izquierdo Ferreira, nasceu na cidade do Rio de Janeiro, filha do grande ator Procópio Ferreira e da bailarina argentina Aída Queirolo Izquierdo . Desde muito pequena já frequentava os palcos e com a separação dos pais foi com a mãe trabalhar na Companhia Velasco, uma companhia de teatro de revista.

Entrou para o Corpo de Baile do Teatro Municipal do Rio de Janeiro, e algum tempo depois na companhia de teatro de Procópio Ferreira. Sua estréia profissional nos palcos foi em 1941 como “Mirandolina”.

Bibi Ferreira teve uma carreira de sucesso e muitos prêmios como atriz, diretora, produtora, apresentadora de televisão e cantora., tanto aqui no Brasil como em Portugal, por onde viveu por alguns anos.

No anos 1960 brilhou nos palcos em espetáculos grandiosos como “Minha Querida Dama” (My Fair Lady),  e na TV foi um dos grandes destaques da TV Excelsior como apresentadora do programa “Brasil 60” e a primeira mulher a apresentar um programa de TV em horário nobre.
Ela atuou em grandes espetáculos como “Brasileiro, Profissão: Esperança”; “O Homem de La Mancha”; “Gota D’Água”; “Piaf, a vida de uma estrela” e  “Bibi in Concert”.

Em 2003 ela foi o enredo da Escola de Samba Unidos do Viradouro no desfile da Marques de Sapucaí. Seu último espetáculo apenas como atriz foi em 2008 na peça “Às Favas com os Escrúpulos” ao lado de Juca de Oliveira.

Deixou um legado de fazer inveja a qualquer ator e uma carreira de sucesso de mais de 80 anos de atividades.

Redação

A Pró-TV – Associação dos Pioneiros, Profissionais e Incentivadores da Televisão Brasileira surgiu em 21 de agosto de 1995. Sua finalidade é preservar a memória da radiodifusão nacional e congregar toda classe que representa. Objetiva a criação do Museu do Rádio, da Televisão e das Novas Mídias (também chamado de “Museu da TV”).

 
Band
CNT
Cultura
Gazeta
Globo
Record TV
RedeTV
SBT
TV Brasil
 

Siga-nos nas Redes Sociais