PRÓ-TV

– 7 de março – Rede Globo – Aconteceu a nova versão do “Sítio do Pica-pau Amarelo”, agora para todos os brasileiros, pois era em rede nacional. O diretor era Geraldo Casé.

– 5 de abril – TV Rio (RJ) – Sua concessão foi cassada, saindo do ar seis dias depois.

– 7 de julho – TV Guanabara (RJ) – Foi inaugurada a segunda emissora de João Saad, iniciando a formação da Rede Bandeirantes. Por pura superstição inaugurou-se o canal 7 carioca, às 7h da noite (19h), no dia 7/7/77.

– Propaganda governamental gratuita: decreto-lei regulamentou dez minutos por dia na programação de TV

– Rede Tupi – Mauro Salles assumiu a vice-presidência dos Diários Associados, para tentar levantar o império que estava à beira da falência. Enfrentando grandes dificuldades para a realização, afastou-se após 2 meses.

– REI – Silvio Santos, dono da TVS (RJ), se tornou sócio do Grupo Paulo Machado de Carvalho na TV Record (SP) e passaram eles a operar juntos a Rede de Emissoras Independentes.

– Rede Tupi – “Tup Tupi Show” – Programa infantil com apresentação de Giovana. Faziam parte da atração os programas “Sessão Patota” e “Sessão Patotinha”. Produção: Daisy Fonseca Rebello. Produzido pela TV Tupi (SP), era exibido para metade da rede, sendo que outra metade exibia o seriado “Capitão Aza”, produzido pela TV Tupi (RJ).

Pesquisa: Elmo Francfort

 
Band
CNT
Cultura
Gazeta
Globo
Record TV
RedeTV
SBT
TV Brasil
 

Siga-nos nas Redes Sociais