< BIOGRAFIAS | VOLTAR
PERCY AYRES

BIOGRAFIA DE PERCY AYRES PARA O MUSEU DA TELEVISÃO BRASILEIRA

Percy Ayres nasceu em 28 de janeiro de 1932, na capital paulista. Foi auxiliar de escritório, foi comerciário e começou a vida artística como redator na Rádio Cultura. Era também locutor, pois tinha ótima voz e dicção perfeita. Depois passou para as Emissoras Associadas e quando a Televisão Tupi chegou, encontrou o jovem Percy Ayres a postos para a função de teleator. E ele começou a atuar em todos os espetáculos.

Fez os seriados, “Falcão Negro”; “Irmãos Corsos”; “Olivier Twist”; “Miguel Stiogof”; “Volante Fantasma, “Marcelino, Pão e Vinho”; “Corcunda de Notre Dame”e outros. Também participou de vários “TVs de Vanguarda” e “Tvs de Comédia”. Seus papéis eram sempre fortes, especiais. Sempre foi considerado um dos melhores atores de televisão nacional. Sua interpretação foi considerada magnífica, quando fez: "Molin Rouge, A Vida de Tolouse Lautrec”. Fez ainda na TV Tupi, as novelas: “Alma Cigana”; “O Segredo de Laura”; “O Sorriso de Helena”; “O Cara Suja”; “O Preço de uma Vida”; “Ciúmes”; “Meu Filho, Minha Vida”; “Os Rebeldes”; “Meu Pedacinho de Chão”. Fez  também  alguns filmes, como: “A Pequena Órfã”; “Eu Compro Essa Virgem”.

Foi então para SBT. E ali apareceu em: “Destino”; “A Força do Amor”; “Conflito”; “A Ponte do Amor”; “Uma Esperança no Ar”. Fez na  Rede  Globo: “Voltei pra Você”; “Partido Alto”; “Roda de Globo”; Brega e Chique”. Em 1988 fez o filme: “Heróis Trapalhões”. Casado com a professora Nair, o casal teve três filhos, entre os quais, Patrícia Ayres, atriz em menina, uma linda garota de cabelos louros, que na ocasião em que fez :"A Pequena Orfã", em novela e filme, ficou sendo "coqueluche nacional.

Percy Ayres faleceu prematuramente em 3 de Setembro de 1992, aos 60 anos.