PRÓ-TV


VERA PAXYE


Vera Lucia Siqueira, que adotou o nome artístico de Vera Paxye, nasceu no dia 2 de junho de 1954, em Apucarana, no Paraná.

A convite do novelista Sergio Jockymann estreou em novelas em 1974, participando dos capítulos finais de “O Machão”, na Tupi. E seguiu na emissora participando de programas de humor e novelas.

Na teledramaturgia da Tupi esteve em “O Sheik de Ipanema”, “Vila do Arco”, “Tchan – A Grande Sacada”, “Aritana” e “Dinheiro Vivo”. Depois fez “O Tronco do Ipê”, na Cultura. E “Fera Radical”, “O Sexo dos Anjos” e “Barriga de Aluguel”, na Globo.

No teatro esteve em “A Cinderela do Petróleo”, em 77. Em 1993 fez ao lado de Jorge Cherques o sucesso “Ed Mort”. Participou do espetáculo de poesia “Uma Noite Para Charles Bukowski” em 1994.

No cinema participou de “Já Não Se Faz Amor Como Antigamente” produção do gênero pornochanchada, em 3 segmentos. Ela fez o foi dirigido por Adriano Stuart, que tem o nome de “Flor de Lyz”.

Em alguns registros seu nome aparece como Vera Praxie e Vera Paxe. Ela foi namorada do radialista e político Paulo Marques. Vera se afastou da mídia.

 

Em 25-06-2017 / M.A.Z.

 

 

 
Band
CNT
Cultura
Gazeta
Globo
Record TV
RedeTV
SBT
TV Brasil
 

Siga-nos nas Redes Sociais