PRÓ-TV


MOACYR DERIQUÉM


Moacyr Deriquém foi um grande ator brasileiro, que nasceu na cidade do Rio de Janeiro, em 1927 e morreu , também no Rio, em 13 de abril de 2002.

Ele iniciou sua carreira no Teatro do Estudante, de Pascoal Carlos Magno, em 1949. Estava com 23 anos e o fez, contrariando seus pais, que sonhavam para ele um emprego fixo e garantido no Banco do Brasil.

Na década de 60, estava ele na Televisão Tupi do Rio de Janeiro e foi o galã de Neide Aparecida. no programa: ” Neide no País das Maravilhas’. Ele fazia nas novelas da emissoras, os tipos nobres; duques, marqueses, príncipes, milionários.

Atuou também no cinema, tendo feito quase 50 filmes, alguns de muita importância. Foi em cinema que ele começou em 1953 e onde trabalhou até 1987. Seu primeiro filme foi: ” A Carne E O Diabo”. Depois fez: “Chico Viola Não Morreu”; ” Leonora dos Sete Mares”; ” Colégio de Brotos”; ” Vamos Com Calma”; ” De Pernas Pro Ar”; ” Chico Fumaça”; ” Fuzileiro do Amor”; ” Na Corda Bamba”; ” Eu Sou o Tal”; ” Dona Xepa”; ” Cala a Boca Etelvina”;” Favela”; ” Sonhando com Milhões”; ” Crônica da Cidade”; ” Um Ramo Para Luiza”; “Samba”; ” Em Ritmo Jovem “; ” Em Busca de Sexo”; ” Em Família”; ” Como Ganhar na Loteria Sem Perder a Esportiva”; ” Eu Transo, Ela Transa”; ” As Moças Daquela Hora”;” Divórcio à Brasileira”; ” Deixa, Amorzinho, Deixa”;” Os Maníacos Eróticos”. ” As Desquitadas”; ” As Aventuras de Um Detetive Português”; “Ipanema Adeus”;” O Casal”; ” As Massagistas Profissionais”; ” Sábado Alucinante”; ” Terror e Êxtase”; ” O Caso Cláudia”; ” O Torturador”; ” A Gostosa da Gafieira”; ” A Mulher Sensual” ” Os Campeôes” ” Espelho de Carne” ; e ” Eu”.

Na televisão, Moacyr Deriquém começou em 1969, fazendo a novela: ” Rosa Rebelde”, na TV Globo. Em 70 , fez: ” Irmãos Coragem”. Em 71: ” O Cafona”. Em 75: ” Pecado Capital”. Em 76 fez: ” O Casarão” e ” O Espelho Mágico”. Em 78:” Ciranda, Cirandinha”. ” Pecado Rasgado”, ” As Três Marias”. ” Cambalacho”. “Anos Rebeldes”. ” Mulheres de Areia”. ” Você Decide”.

Moacyr Deriquém orgulhava-se de ter aberto espaço para atores como: Sandra Bréa, Mario Gomes, Christiane Torloni, e Denise Dumont.

Em 13 de abril de 2001, ele foi encontrado morto em seu apartamento em Copacabana, no Rio de janeiro. Era solteiro e não tinha filhos.

 
Band
CNT
Cultura
Gazeta
Globo
Record TV
RedeTV
SBT
TV Brasil
 

Siga-nos nas Redes Sociais