PRÓ-TV


MAURÍCIO DE SOUZA


Maurício de Souza nasceu em Santa Isabel, interior de São Paulo, em 1935, dia 27 de outubro. Filho de Antônio, que era poeta e barbeiro e de dona Petrolina Araujo de Souza, que era dona de casa e poetisa, Maurício logo começou a se interessar por arte. Começou por desenhar cartazes e ilustrações para rádios e jornais da cidade de Mogi das Cruzes. Foi para a capital paulista, tentou vaga de desenhista, mas só num conseguiu na Folha da Manhã, a vaga de repórter policial. Mas, em 18 de junho de 1959, conseguiu criar sua primeira tira diária, para o jornal, com os personagens Franjinha e Bidu, seu animal de estimação. Nem ele esperava que seu trabalho fosse tão bem aceito. Foi aumentando o trabalho, criando mais personagens, quase sempre inspirando-se em seus próprios filhos, que eram pequenos, estavam com 4 ou 5 anos.

E assim criou uma rica galeria de tipos , que foram imortalizados pelo gosto popular e infantil. Ele criou: Mônica, Cebolinha, Cascão, Chico Bento, Magali, Jotalhão, Horácio, Piteco, Raposão, Tarugo, Penadinho, O Astronauta, Anjinho, e inúmeros outros.

Em 1961, Maurício de Souza tornou-se empresário, criando a ” Maurício de Souza Produções Artísticas”. Mas , muito mais do que empresário, ele passou a ser o mais importante brasileiro na área,com uma visão precisa da importância das histórias em quadrinhos, em prol da construção de uma identidade nacional.

Maurício de Souza criou um verdadeiro império. Suas criações foram para o cinema, para os jornais, para o teatro e até para um parque temático, em São Paulo. Este parque foi criado na década de 80. Nos desenhos de longa metragem, eles podem ser vistos em: ” As Novas Aventuras da Turma da Mõnica”, de 1985; em “Mõnica e a Sereia do Rio”, de 1987.

Também os personagens de Maurício de Souza invadiram a televisão e deram origem a diversos CD-ROOMs. Tornaram-se tema de seriado da Rede Globo, em 1999.

A importância do artista Maurício de Souza é ter dado às crianças brasileiras, ídolos infantis brasileiros, pois até então elas só tinham os heróis estrangeiros. Ele foi responsável quase que absoluto, pela nacionalização do desenho animado. Fundou com amigos a ADESP- Associação dos Desenhistas do Estado de São Paulo.

Maurício é pai de dez filhos, que são: Maurício, Spada, Mônica, Magali, Mariângela, Vanda, Valéria,Marina, Maurício Taqueda, Mauro Taqueda e Marcelo Pereira.

Os quadrinhos de Maurício de Souza tem fâma internacional e ele criou o ” Tikara” e o presenteou pessoalmente ao imperador do Japão Akihito.

Em sequência às primeiras tiras, em que os personagens eram todos crianças, Maurício de Souza, a medida que o tempo foi passando, foi fazendo os personagens maiores, adolescentes e até adultos. E criou novidades, como por exemplo: A Turma do Dieguito(inspirada em Diego Maradona); A Turma do Ronaldinho Gaúcho( inspirada no jogador do mesmo nome); A Turma do Ronaldo, o Fenômeno( também inspirada no jogador, mas essa jamais foi publicada); A Turma da Mônica Jovem(sua filha agora adulta). Apesar de imensas diferenças, todos ainda se metem em confusões divertidas.

 
Band
CNT
Cultura
Gazeta
Globo
Record TV
RedeTV
SBT
TV Brasil
 

Siga-nos nas Redes Sociais