PRÓ-TV


MARTHUS MATHIAS


Marthus Mathias de Faria nasceu em  Itajubá, Minas Gerais, em 12 de fevereiro de 1927.

Irmão do jornalista Milton Faria, que é membro do Museu da TV, Marthus fez sucesso na TV Tupi , na novela “Vitória Bonelli de Geraldo Vietri, dirigida por ele mesmo em 1972.

Na TV Globo fez “Uma Rosa Com Amor”, em 1972 também, escrita por Vicente Sesso com direção do saudoso Wálter Campos. Depois voltou para a TV Tupi para participar de “Jerônimo, o Herói do Sertão” de Moyses Weltman.

Com ótima voz, trabalhou como radialista na Rádio Record e se destacou como dublador por muitos anos nos Estúdio Alamo.

No Cinema, onde estreou em 1959, trabalhou em mais de 60 filmes, sendo cinco deles com Mazzaropi: “Chofer de Praça”; “Jeca Tatu”; “As Aventuras de Pedro Malazartes”; “O Vendedor de Linguiça” e “Casinha Pequenina”.

Atuou ainda em grandes sucessos do cinema nacional como “Sentinelas do Espaço”; “A Marcha” ao lado de Pelé; O Jogo da Vida”; “Belas e Corrompidas” e “O Outro Lado do Crime” e “Os Amantes da Chuva”.

Marthus Mathias faleceu em Campo Grande, Mato Grosso do Sul, em 10 de janeiro de 1995, aos 67 anos .

 
Band
CNT
Cultura
Gazeta
Globo
Record TV
RedeTV
SBT
TV Brasil
 

Siga-nos nas Redes Sociais