PRÓ-TV


MARCO NANINI


Marco Nanini nasceu no Rio de Janeiro, em 30 de abril de 1948. Ator eclético, pode-se dizer que ele é quase inteiramente”global”. Seu nome apareceu ininterruptamente desde 1969 até os dias de hoje, nas escalações da Rede Globo de Televisão.

Em 1969 fez: “A Ponte dos Suspiros”. E prosseguiu com: “O Cafona”; “O Primeiro Amor”; “A Patota”; “Carinhoso”; “Gabriela”, que foi sucesso internacional.Fez ainda: “A Moreninha”; “Pecado Capital”; “O Feijão e o Sonho”. Aí ele partiu para o cinema. Por essa mesma época fez: “As Mocas Daquela Hora”; “O Roubo das Calcinhas”; “A Noite dos Duros”. Esteve também TV Tupi de São Paulo, em 1977, quando apareceu em: “Um Sol Maior”.

Fez TV Bandeirantes, em 1979, em “O Todo Poderoso”. Mas voltou à Rede Globo, para grandes sucessos , como: “Feijão Maravilha”; “As Três Marias” ; “Elas por Elas”. Em 1983 foi para o SBT e fez: “Joana”, voltando a seguir para à TV Globo , onde fez: “Um Sonho a Mais” e depois: “Brega e Chique”. Apareceu em seguida em alguns filmes: “Noite”; ”Feliz Ano Velho”; “Anjos da Noite”. E fez mais uma coleção de sucesso, na RedeGlobo de Televisão. Fez:: “TV Pirata”; “Pedra Sobre Pedra”; “O Alienista”; “Andando nas Nuvens”. Mas seus grandes sucessos foram em cinema e teatro.

No cinema, fez vários filmes. Em 1995, “Carlota Joaquina, Princesa do Brasil”, em que fez o papel de D. João VI de forma bem jocosa. Em 1998, “Amor e Cia”’ ; em 2000 “O Auto da Compadecida”. Em 2001, “Copacabana” e “Caramuru – A Invenção do Brasil”. Em 2004, “Lisbela e o Prisioneiro” e Apolônio Brasil – Campeão da Alegria”. Em 2006, “Quem tem Medo da Irmã Vap”. Em 2008, “Romance”. Em 2009, “O Bem Amado”. Em 2009, “A Suprema Felicidade”, e em 2010, “O Bem Amado” – que também foi exibido como minissérie na TV Globo, no início de 2011.

Marco Nanini também fez muitos seriados e minisséries, como: “Invenção do Brasil”, “Brava Gente” e desde 2001 está na “A Grande Família”, quefaz tanto sucesso, que permanece no ar até os dias de hoje (2011), e ganhou uma versão para o cinema em 2007. Na história, Nanini interpreta o papel de chefe da família, Lineu, um homem controlado, diferente dos demais membros da casa e com isso ele se salienta mais e dá o “tom” do programa.

Temos ainda que salientar que Marco Nanini fez um longo sucesso teatral, ao lado Ney Latorraca, na peça: “O Mistério de Irmã Vap”, que ficou muitos anos em cena. E que depois foi passadopar o cinema. Por tudo isso ele é, sem dúvida, um dos maiores nomes do cenário artístico nacional.

 
Band
CNT
Cultura
Gazeta
Globo
Record TV
RedeTV
SBT
TV Brasil
 

Siga-nos nas Redes Sociais