PRÓ-TV


EDY CERRI


Edy Cerry nasceu em 09 de outubro de 1940. Começou a trabalhar em televisão bem cedo, pois foi escolhida para o papel de Narizinho, na primeira versão do famoso seriado: “Sítio do Pica-pau Amarelo”, baseado na história do mesmo nome, de Monteiro Lobato. O casal Júlio Gouveia e sua esposa Tatiana Belinky adoraram a garotinha, que realmente tinha o narizinho arrebitado. Isso aconteceu em 1956.

Quando o seriado acabou e a garota Edy já estava mocinha,ela participou de várias novelas da TV Cultura, tais como: “Escrava do Silêncio”; “As professorinhas”; “O Tirano”; “O Moço Loiro”; “Sangue Rebelde”. Aí passou para a TV Record e continuou sua carreira de teleatriz. Fez: “Ana”, “As Professorinhas”; “Algemas de Ouro”; “Seu Único Pecado”; “As Pupilas do Senhor Reitor”; “Os Deuses estão Mortos”; “Quarenta Anos Depois”; “O Tempo não Apaga”; “Vendaval”; “Vidas Marcadas”.

Foi então que a graciosa Edy Cerri resolveu dedicar-se à família. Casou-se, teve filhos e começou a fazer outras atividades.
Inegavelmente, porém, Edi Cerri, dentre todas, já que “O Sítio do Pica-pau Amarelo”, foi várias vezes levado ao ar por várias emissoras, Edi foi a mais perfeita Narizinho. Nasceu para ser “Narizinho”.

 
Band
CNT
Cultura
Gazeta
Globo
Record TV
RedeTV
SBT
TV Brasil
 

Siga-nos nas Redes Sociais