PRÓ-TV


DONA IVONE LARA


O nome completo da cantora Dona Ivone Lara é Yvonne Lara da Costa. Ela nasceu no Rio de Janeiro, em 13 de abril de 1921. Além de cantora, Dona Ivone é também compositora.

Quando Ivone tinha três anos de idade, seu pai faleceu e a mãe faleceu, quando ela estava com doze. Por isso ela foi criada pelos tios e estes a ensinaram a tocar instrumentos musicais, dos quais gostavam. Ivone apaixonou-se pelo cavaquinho e se acostumou a ouvir sambas, e o fazia sempre , ao lado do primo Mestre Fuleiro. Ivone teve ainda aulas de canto, com Lucilia Villa-Lobos, chegando a receber elogios do marido da professora, que era o maestro Heitor Villa- Lobos. O maestro ouviu a menina e a elogiou, o que a deixou muito feliz. Quando estava com 25 anos, Ivone casou-se com Oscar Costa, filho de Alfredo Costa, que era o presidente da ” Escola de Samba Prazer da Serrinha”. Com isso manteve conhecimento com vários cantores e músicos, que viriam a ser seus parceiros, em muitas composições. Alguns desses parceiros foram Mano Décio e Silas de Oliveira.

Ivone estudou, formou-se em Enfermagem, especializou-se em Terapia Ocupacional e chegou a ter conhecimento com a doutora Nise da Silveira, importante nome nacional, dentro de hospitais psiquiátricos, nos quais Ivone também trabalhou.

Aos pouco, porém, Ivone Lara foi se dedicando mais e mais à música. Compôs o samba: ” Nasci Para Sofrer” , que se tornou o hino da escola. Quando foi fundada a ” Império Serrano”, Ivone passou a desfilar, na ala das baianas. Depois compôs o samba: ” Não Me Perguntes”.

Sua consagração veio , porém, em 1965, com o “Cinco Bailes da História do Rio”, quando Ivone foi a primeira mulher a participar da ala de compositores da escola de samba.

Entre os interpretes importantes, que gravaram suas músicas, estão: Clara Nunes, Roberto Ribeiro, Maria Bethânia. Caetano Veloso, Gilberto Gil, Paula Toller, Paulinho da Viola, Beth Carvalho, Mariene de Castro, Roberta Sá, Dorina.

Os principais discos de Dona Ivone Lara são: ” Sambão 70″, ” Quem Samba Fica”, ” Samba Minha Verdade, Minha Raiz”, ” Sorriso de Criança”, ” Serra dos Meus Sonhos Dourados”, ” Sorriso Negro”, ” Alegria Minha Gente”, ” Ivone Lara”, ” Arte do Encontro”, ” Bodas de Ouro”, ” Um Natal de Samba”, ” Nasci Para Sonhar e Cantar”, ” Sempre a Cantar”.

Dona Ivone Lara aposentou-se em 1977 e passou a dedicar-se exclusivamente à carreira artística.

 
Band
CNT
Cultura
Gazeta
Globo
Record TV
RedeTV
SBT
TV Brasil
 

Siga-nos nas Redes Sociais