PRÓ-TV


DIRA PAES


O nome completo da atriz Dira Paes é Ecleidira Maria Fonseca Paes. Ela nasceu em 30 de junho de 1969, em Abaetetuba, no estado de Pará. Ela é atriz de televisão e de cinema, tendo tido muito sucesso nos dois segmentos. A atriz Dira Paes, que fez tantos e tão famosos filmes nacionais, em verdade começou sua carreira fazendo um filme americano, de nome; ” The Emerard Forest”, em 1985.

Em 1987, Dira continuou sua carreira cinematográfica, fazendo os filmes: ” Au Bout Du Roulen” e ” Ele, o Boto”. Em 88, fez: ” Land”. Em 90, fez: “Corpo em Delito”. Em 94: ” Obra do Destino”. Em 96: ” Corisco e Dadá”. Em 97: ” Analy De Las Misiones”. Em 98: ” Lendas Amazônicas”. em 99: “Castro Alves”.” Vida e Obra de ramiro Miguez” e ” Cronicamente Inviável”.Em 2001: “O Casamento de Louise”.Em 2002: ” Lua Cambará- Nas Escadarias do Palácio” e ‘ Amarelo Manga”. Em 2003: ” Noite de São João”. Em 2004: “Meu Tio Matou Um Cara”. Em 2005: ” 2 Filhos de Francisco”. Este filme, que contava a história real dos cantores Zezé de Camargo e Luciano, foi êxito nacional. Nesse mesmo ano Dira Paes fez o filme: “Incuráveis”. Em 2005, ela fez ainda: ” Celeste & Estrela”. Em 2006, fez: ” Mulheres do Brasil” e ” Baixio das Bestas”. Em 2007: “A Grande Família- o Filme” e ” Ó Pai, Ó”. Em 2008: “A Festa da Menina Morta”.

Embora tendo essa filmografia vasta, Dira Paes também entrou na televisão pra valer. Em 1989, fez: ” Haute Tension”. Em 90: ” Araponga”, na Rede Globo. Em 95: ” Irmãos Coragem”. Em 98: “Dona Flor e Seus Dois Maridos”. Em 99, fez a minissérie: ” Chiquinha Gonzaga” e ” A Força de Um Desejo”. Em 2003 até 2007, fez sucesso no seriado ” A Diarista”, no papel de Solineuza.Em 2004, fez a minissérie: ” Um Só Coração”. Em 2008, o seriado: ” Casos e Acasos”. Em 2009, a novela: ” Caminho das Índias”, de Glória Perez. Em 2010, a novela “Ti ti ti” e em 2011, outra novela, “Fina Estampa”. Em 2012, esteve em um dos episódios da série “As Brasileiras” e na novela “Salve Jorge”. Em 2014, a minissérie “Amores Roubados” e a novela “O Rebu”.

Dira Paes também fez três peças de teatro.

Ela é idealizadora e diretora do Festival de Belém do Cinema Brasileiro, que é realizado na capital paraense, desde 2004.

A atriz Dira Paes já ganhou diversos prêmios, tanto de cinema, como em televisão. Em 88, ganhou o prêmio de Melhor Atriz Coadjuvante, em Natal, por ” Ele e o Boto”. Em 96, ganhou de Melhor Atriz, em Cuibá, por ” Corisco e Dadá” . E no mesmo ano ganhou o mesmo prêmio, em Cuiabá, Florianópoles e Brasília. Em 97, ganhou como Atriz Coadjuvante, em Brasília, por ” Analy de Las Misiones”. Ganhou , pelo mesmo filme, o APCA. Em 2001, ganhou o Melhor Atriz, em Natal, pelo ” Casamento de Louise”. Ganhou o mesmo prêmio em Cuiabá . Em 2002, ganhou Melhor Atriz, por ” Amarelo Manga”. Em 2002, ganhou o Prêmio BR do Cenima Brasileiro, por ” O Casamento de Louise”. Em 2003, ganhou o Kikito de Our, no Festival de Gramado. Ganhou no Cine Ceará, Melhor Atriz, por ” Amarelo Manga”. Em 2004,pelo mesmo filme, ganhou o Grande Prêmio BR do Cinema Brasileiro. Em 2005, ganhou por ” Noite de São João”. Em 2006, ganhou o Festival do Candango, por ” Baixio das Bestas”. Em 2007, ganhou o APCA, pelo seriado: ” A Diarista”. No mesmo ano, ganhou O BR do Cinema,como atriz coadjuvante,por ” Mulheres do Brasil”.E o de Melhor Atriz, por ” 2 Filhos de Francisco”. Em 2008, ganhou Melhor Atriz, por ” Baixio das Bestas”. E em 2009, recebeu vários prêmios pelo seu personagem Norminha, de “Caminhos das Índias”, entre eles: Prêmio Extra de Televisão, melhor atriz coadjuvante e Prêmio Arte Qualidade Brasil, também de melhor atriz coadjuvante.

 
Band
CNT
Cultura
Gazeta
Globo
Record TV
RedeTV
SBT
TV Brasil
 

Siga-nos nas Redes Sociais