Museu da TV, Rádio & Cinema


ANTÔNIO SÍLVIO LEFÈVRE


Antônio Silvio Lefèvre nasceu na capital paulista, em 18 de junho de 1943. Foi ator mirim, mas depois se afastou, embora continue sempre com atividades ligadas à arte.

Desde menino, gostava de arte. Foi bastante influenciado por seu avô materno Benjamin Fineberg, pioneiro de cinema no Brasil. Ele era representante da empresa americana: “Metro Goldwin Mayer”. E abriu várias salas de cinema, na capital paulista, tais como: O Metro, o Art Palácio,o Ipiranga. E era também sócio da “Empresa Cinematográfica Maristela”, pioneira de filmes brasileiros e onde trabalharam inúmeros dos melhores atores, entre eles: Procópio Ferreira, considerados por muitos, o melhor.

O garoto Silvio era fascinado por cinema e arte. E o pai, o médico Antônio Branco Lefèvre era amigo do também médico Júlio Gouveia e de sua esposa Tatiana Belinky; Estes dirigiam o TESP – Teatro Escola São Paulo, que, apesar de ter sido criado para o teatro, encaminhou-se para a televisão.

E lançaram o programa, que se tornou famoso: “Sítio do Picapau Amarelo”. Um dia Tatiana, vendo o menino Silvio, com cerca de dez anos, disse: “Esse é o Pedrinho que eu quero”. E o pai de Silvio não pode dizer não. Assim Silvio, após breve teste, tornou-se o primeiro “Pedrinho “, do seriado. O pai de Silvio, logo teve que comprar um aparelho de TV, pois não o tinham e a família se reunia, para ver o garoto na televisão. Mas isso não durou muito, pois os pais temeram que a atuação artística prejudicasse os estudos do garoto. Foi quando Silvio Lefèvre foi substituído por David José, no seriado.

O garoto Silvio ficou triste, mas obedeceu aos pais.Silvio continuou seus estudos, pensou em ser médico como o pai, prestou vestibular, entrou, mas se interessou por política. “Fui preso, em 1964, pelo Golpe Militar, então fugi e me refugiei em Paris”, comenta Lefrève.

Quando voltou ao Brasil, anos depois, já formado em Sociologia, pela Sorbonne, trabalhou no mundo editorial, na Editora Abril, e em agências de publicidade, como a Leo Burnett, a Ogivlvy & Mather, a Propeg. E ainda na Credicard. Depois disso abriu o próprio negócio, no ramo editorial: “Edições Sobornost” e também inaugurou a Livraria Resposta, livraria virtual, com foco em ciências humanas e na área de saúde.

Embora tendo deixado cinema e TV, Antônio Silvio Lefèvre sente saudade e emoção, ao lembrar dos amigos do TESP e da TV Tupi, a pioneira.

Foi casado com Silvia Pollhammer e posteriormente com Sonia Novinsky. Tem 4 filhos e enteados e 4 netos.

 
Apoio
ABCD Nossa Casa
ABCcom
ABERT
ABTU
ACESP
Apodec
Centro Universitário Belas Artes
BRAVI
Coleção Marcelo Del Cima
Comunique-se
Fórum SBTVD
Grupo Observatório
Gugu Vive
IBEPEC
Kantar Ibope Media
O Fuxico
Radioficina
RITU
SET
Sindicato dos Radialistas de São Paulo
Toda Tela
TUB
TudoRádio
Universidade Anhembi Morumbi
APJ
UBI
Vela – Escola de Comunicação
 

Siga-nos nas Redes Sociais